sábado, fevereiro 09, 2008

Steve Berry


Ora aqui está um romance que não tem romance, (estou a falar de olhinhos em formato de coração, florzinhas, corações trespassados por setas nas pobres das árvores... etc etc... arghhhh).

Li este livro de 583 páginas em pouco mais de 3 dias (eu trabalho, não é?? Não tenho a vossa vida mansa), sendo que 2 desses dias foram fim de semana.

Bom, neste romance o autor – Steve Berry – consegue fazer o que eu nunca vi em livro nenhum, muito menos num Romance: Não há romance, não há pestanadas do herói a uma heroína de ocasião, não há sexo selvagem, nem mamas grandes, nada, nada... não há nem um beijo fugaz!

Se calhar porque o herói é um reformado do FBI (apesar de enxuto e tal, ainda sem ter entrado nos 50) e a heroína é ainda mais velha, prestes a chegar à idade da reforma (mais de 60 anitos), e o respeito entre eles existe e é muito bonito!

De resto, neste romance que afinal não o é, o autor fez uma magnifica mistura entre factos reais com uma mirabolante imaginação.

Aconselho a leitura, para quem gostar do género, templários/misticismo/mistério/enigmas perdidos no tempo/Inquisição e já agora, se quiserem descobrir porque é que as sexta-feiras 13 são consideradas dias aziagos!


Adenda: o livro tem o título O Legado dos Templários !! sou uma distraída...
Adenda2: obrigado Tarita por teres pensado exactamente no que gosto, quando pensaste em me dar um presente.

15 comentários:

Teresa disse...

Fica já anotado para ler, que confio no teu critério.
De resto, tudo o que diz respeito à Ordem do Templo sempre foi para mim motivo de fascínio.
Quanto à sexta-feira, 13, não abro a boca. Ou já te esqueceste de que a História é uma das minhas muitas paixões? 13 Outubro de 1307. Até falo dessa data o segundo post da Gota, associando-o ao 11 de Setembro no calendário das maiores infâmias de sempre...

Beijo grande.

Teresa disse...

EStava com gralhas, deixa-me corrigir.
Cá vai:

Fica já anotado para ler, que confio no teu critério.
De resto, tudo o que diz respeito à Ordem do Templo sempre foi para mim motivo de fascínio.
Quanto à sexta-feira, 13, não abro a boca. Ou já te esqueceste de que a História é uma das minhas muitas paixões? 13 de Outubro de 1307. Até falo dessa data no segundo post da Gota, associando-a ao 11 de Setembro no calendário das maiores infâmias de sempre...

Beijo grande.

Rafeiro Perfumado disse...

Um livro sem "sexo selvagem, nem mamas grandes" tem um potencial de aborrecimento enorme... por acaso gosto do género, mas o último que li, do Umberto Eco, mesmo tendo algum sexo, foi uma seca descomunal!

Um grande RAUF para ti!

Gata Verde disse...

583 páginas? Grande seca!!!!

Beijinhos e bom fds

Bongop disse...

Tou a meio (241,5 páginas)

" JOTA ENE ® " disse...

Bom... não perco tempo com este tipo de leituras, eu é mais Páginas amarelas, Folhetos do professor Mambo e Livros La Redoute.

Quanto à 6ª feira (dias 13), não me oponho, venham resmas!

Bjo fotografado ;.)

Marta disse...

Ok vou ver, se não gostar depois a gente cumbersa! :)

Vício disse...

há disponivel a versão BD desse livro?

vsuzano disse...

Nada como um romance entre pessoas maduras, e o resto é letra de livros.... rsrsrsrs

Hydrargirum disse...

Tens a certeza que tinhas o livro certo debaixo da capa amovível?

lol

Jinhos:)

O Livreiro disse...

Sem brelaitada e com 500 e tal páginas, grande seca.

htsousa disse...

Estou a acabar o Pendulo de Foucault do Umberto Eco... vou acreditar que este será melhor!

Poppy disse...

Eu ando a ler o último do Harry potter. temos que saber o que é que as nossas crianças lêem não é?
Comecei antes do natal e ainda vou na vigésima e qualquer coisa página... ( e eu até gosto imenso de ler).

Azul disse...

ProntoZZZZZZZZZZZZZZ...
Já te passaste comigo outra vez e tiraste-me dos links!
raisparta a mulher!
Que fiz eu, desta vez?!?

Diabba disse...

Para todos:

Coma excepção da T. vocês devem ser uns secas! Mas não lêem nada?


Azul,
não deixa de ser sintomático, só cá vens quando o teu link cai...

Plágio encapotado. Ler post de 10.Abril.2011.