terça-feira, fevereiro 17, 2009

Ferramentas

Li aqui que os homens que vêem mulheres com roupa, vá, pouca roupa, as vêem como se de ferramentas se tratassem.

Hummm, e é um estudo cientifico, portanto é porque deve ser verdade.

Quer-me cá parecer que os 2 escravos aqui da caverna vão ser mecânicos, tendo em conta umas revistas e folhas de revistas
(arrancadas sei lá eu de que outras revistas), que de vez em quando eu lhes encontro nas respectivas alcovas. Devem estar a estudar!

Ahhh mas que belo par de porcas” “uiaaa nesta porca eu enroscava o meu parafuso” “hummm dava-lhe uma martelada que a metia no sítio”, e eu a pensar mal dos escravos... só tenho maus pensamentos, cum catano!

(em pensamento mode) - que estranho... o diabbo-marido é mecânico... será que o gajo anda a vêr mulheres sem roupa lá na oficina?? Ai a minha vida...

24 comentários:

Tiago disse...

Hum... então vc quer namorar com o mecânico, né?

Rita disse...

Diabba querida,
Podes estar descansada, nunca ouviste dizer "em casa de ferreiro espeto de pau"?
Jokas

tronxa disse...

LOBEEEEEEEEEE esses estudos!!!

um dia tb eu vou estudar o canto dos grilos em epoca de acasalamento, nas ilhas polinesias!! mas so os k cantam nas praias!!

dizem que se tem de estar mt ketinha á espera k eles cantem...

preciso de uma assistente, queres candidatar-te ao cargo!?!??!

bjnhsssssssssss

(se fosse a ti, interrogava o diabbo marido, mas tipo interrogatorio á seria, luz nos oios e tal!!)

korrosiva disse...

Os mini-diabos andam a ver se seguem os passos do pai ;))

beijinhoss

Pedro disse...

Lá agora!!! Que ideia...

XS disse...

Castiga-o, Diabba, Castiga-o!

vício disse...

e enquanto eles aparecerem só com o "catalogo" das ferramentas e não aparecerem com ferramentas"emprestadas" em casa, acho que estás com sorte!

Patrícia disse...

Ahahahahah... ia comentar, mas depois de ler o comentário do Vício, acho que mais vale ficar quietinha. Hilariante!!! :D :D :D


P.S.: um mecânico, hein? Podes sempre fazer-lhe uma surpresa e perguntar se ele arranja o teu carro para o próximo rally (http://www.lojadasdivas.pt/index.php?cPath=37)... ;) ;) ;)

Beijinhos!

Belzebu disse...

A que se deve tant6a insegurança?

heheheh!

Patrícia disse...

a minha resposta ao teu comentário lá em casa: e tu és um avião... O avião! ;)

Bernardo Moura disse...

ehehheeheheheheheheh

Deixa-os desenvolver a mecânica.

hahhaahahahhahaha

:)

Músico Guerreiro aka Melões disse...

E tao aplicadinhos...
Beijos

DANTE disse...

Já arranjaste mais uma coisa para te preocupar... lolololololol

Jokas Diabba :)

Bongop disse...

E o ferramenteiro lá do meu trabalho?!
Aquilo é que é uma vida! eheheh

refemdabd disse...

A Susan Fiske descobriu a pólvora...quanto é que será foi gasto nas investigações dessa Sra. Dra.?! Com certeza teriam sido melhor empregues no estudo da mosca da fruta (essa interessantíssima e frenética matéria).

Teria a Sra. Dra. utilizado os mais sensíveis aparelhos CAT, quando seria muito mais barato e talvez mais divertido entrar numa qualquer taberna? Ou mesmo debaixo de um qualquer andaime e fazer desfilar umas amigas e não precisavam de ir em trajes reduzidos, para observar e registar os melhores comentários, invariavelmente destinados ao, e referidos como, "material"? "Material" de "trabalho", que quando é bom é um prazer (o trabalho, claro). Não deve haver nada mais absorvente do que ter uma Torna de grandes dimensões nas mãos para dar cabo do que for. Ou uma Serra Mecânica fixa de pedal com lixadeira e tico-tico esconso incorporado de seis velocidades e inversor selectivo...seja lá isso o que for. Mas um gajo é e será sempre um gajo! Qual é o gajo que não gostaria de ter na garagem essa ferramenta e outras, que mesmo não sabendo manuseá-las não o tentaria fazer (com grave prejuízo de perder um qualquer membro)? Mesmo sabendo que provavelmente não a utilizaria, um gajo gostava de a ter...nem que fosse para meter nojo a um amigo também gajo: "Cabrão...aquele gajo até tem uma polidora com compressor e distribuidor de verniz homogéneo...nem mãozinhas tem para aquilo, o cabrão". Pois é! O mundo das ferramentas é gerador de muitas invejas. Um gajo sabe que não se pede emprestado uma ferramenta a outro gajo...simplesmente leva-se...pega-se nela (na ferramenta), como quem não quer a coisa e leva-se. Depois é fazer-se de esquecido. Mesmo que o caso acabe com uma grande amizade, pois então, uma ferramenta em titânio revestida a vanádio vale muitas amizades, pá!

Pois que as mulheres sejam vistas como um objecto, do tipo ferramenta, quando estão pouco vestidas (ou estrategicamente mais descobertas) é FALSO. Pode ter uma farpela que a tape dos pés à cabeça em fazenda de cor cinza rato; duas verrugas incontornáveis com pelagem especial; botas cardadas e muitos mais adereços de fugir, que não deixa de ser uma ferramenta apreciável: "Ui...a lavar e a passar a ferro é uma máquina!", ou "Faz um cozidinho à Portuguesa, que é um mimo!". Normalmente quem tem esta espécie e modelo de ferramenta anseia ter, ou já tem, outras espécies e modelos de ferramentas. Pois claro que para lavar as escadas, já preferimos o modelo 1.70 90-86-90 com négligé adaptável e garantia de abate e substituição ao fim de dois anos na Victoria Secrets. Como os Alicates, temos vários modelos à escolha: uns mais elegantes do que outros, mas todos com funções delineadas e de igual importância; claro que também temos Alicates que cumprem variadíssimas funções, mais ao alcance do normal utilizador de ferramentas. Quem fala de Alicates, fala de outras ferramentas para leigos, mas mais polivalentes: há a quem baste um pequeno kit IKEA para fazer grandes arranjos. Como em tudo, é preciso arte.
Não são só os mecânicos que utilizam ferramentas, como é sabido: torneiros, carpinteiros, pedreiros e outros acabados em eiros; mais uma imensidão de profissões e outras aptidões não utilizadas profissionalmente carecem do uso de ferramentas.

Para a próxima, dêem-me o guito, que eu entro em testosteronabnóxioantipoliticamentecorrectoetotalmentemisógeno mode e voilá o porque de o nosso cérebro captar e processar da mesma forma as ferramentas e as mulheres. É uma coisa antiga…

Não é só a mulher que é vista como um ferramenta. Todos nós, possuidores do cromossoma Y, também vimos munidos de algo que todos, sem excepção, consideramos uma ferramenta. Se ela funciona ou não, se todos sabemos funcionar com ela ou não, entre outras questões, seria assunto farto para outra dissertação, sem dúvida.

PS: Aproveito para informar que mudei de morada, para parte incerta, e não atenderei ao almoço de confraternização deste Blog, por óbvias razões.

refemdabd disse...

Portanto, sugiro que deixes os escravos imaginar as outras ferramentas, com auxilio de catálogos, em consonância com as suas próprias ferramentas...é saudável. Ainda é mais saudável é não os apanhares em flagrante delito ou em confrontação directa num qualquer Blog. Quando for possível (pois necessário é sempre) passar à fase de obra já levam alguma "bagagem".

Teté disse...

Já pensaste que também podem querer seguir medicina? Sei lá, para se irem habituando a diferentes anatomias...

Tem lá paciência, que oficina que se preze tem sempre um (dois ou três) calendário com essas... ferramentas!

Beijocas enxofradas!

AEnima disse...

isto nao tem nada a ver com nada, mas quem muito diz as vezes pouco acerta... so me ria a imaginar uma modelo 90-86-90... nao sabia que o formato barril estava em voga. :D

refemdabd disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
refemdabd disse...

Há quem goste delas mais anafadinhas, cara amiga...e se tiver um buçozinho então...UI! Quanto ao não acertar em nada, será que serviu o barretinho?! (Gargalhada Maquievélica e com os olhos afiadinhos).
QUANTOS SÃO?! HUMM?!
HeHeHeHe! Estou a brincar, claro, e obviamente enganei-me nas supostas medidas ideais (80-60-80 ?! estará melhor?)

Diabba disse...

Tiago,
Não, não quero namorar com um mecânico. Eu namoro com um mecânico! (e até sou casada com ele e tudo) hihihihihi

Rita,
Tu achas que posso estar descansada?? Há por aí umas ferramentas com muito bom aspecto...

Tronxa,
Eu também LOBOOO estes estudos, aliás de vez em quando debruço-me sobre estes estudos tão importantes para a humanidade.
Esse emprego de ouvir grilos na Polinésia é meu!
A idéia do interrogatório pareceu-me excelente, provavelmente vou misturar umas pitadas de tortura. Hihihihihi

Korr,
Hummm era bom era...

Pedro,
Mau, tu achas mesmo co gajo anda a mirar gajas sem roupa na oficina??

XS,
Hihihihihi Num sei, ele provavelmente gosta! (dos castigos pah)

Bício,
Tu nem me fales, que se eu um dia entro na caverna e vejo ferramentas em pleno funcionamento, e não sou eu a manuseá-la... vai ser um 31! Não quero escravinhos!

Patrícia,
Já falamos, não arranja carrinhos. Só aviões!
E não, não sou um avião, quando muito sou um helicópetero... na parte do formato! (pensavas que era “gira e boua”?) hihihihihi

Belz,
Colega, há quanto tempo! Fecharam o moquifo durante tanto tempo que desisti, é o que dá estares velho, já nem tens força para levantar a “caneta” para escreveres mais amiúde! Hihihihihi

Bernardo,
Um já está na idade de arranjar “uns bólides”, o outro que vá treinando com a sua própria ferramenta!

Melões,
Fossem assim noutra áreas...

Dante,
Qualquer dia estou com o pêlo todo branco, com tanta preocupação! Grunfff

Marido,
Imagino, é ver catálogos atrás de catálogos! Tarados!

Refém,
Informo-te que se procurares, encontrarás, aqui no Inferno, um estudo científico sobre a mosca da fruta. Hehehehehe
Hummm com que então babas-te por pipinhas hein?? Não te posso aparecer à frente (sem estar armada) não vais resistir-me! Hihihihihi
Tu tens uma ferramenta?? Qual qual?? (em cusca mode) Eu também tenho uma, trabalho com ela! :D
Ahhh e para finalizar, é evidente que não toco nos “catálogos” das ferramentas dos escravos, longe de mim tirar-lhes o material de estudo da frente!

Teté,
Medicina?? Ahahahahahah se soubesses as notas escolares dos escravos... acho que nem para mecânicos de bicicletas chegam!

Aenima,
O Refém gosta de gorduchas! Convenhamos que as medidas tidas como perfeitas 86-60-86, são absolutamente escanzeladas! Quem tem tais medidas ou é ainda uma criança ou é uma adulta com problemas (fisicos ou psicilógicos), coitadas das modelos super-hiper-mega-magras!
Nós (tu e eu) somos, naturalmente, elegantes! É genético! Hihihihihi

Refém,
Gostas de buço... uiiii deves ter gostado do Padre Amaro, que sentia frémitos de prazer só de pensar no buço da Amélia! hihihihihi

bluefox disse...

Olha, nós por cá andamos sempre todas tapadinhas, e mesmo assim, os gajos pensao que a malta lhes apertar os parafusos. LOL
Beijos.

Anónimo disse...

Validate Our Jet-black Prices at www.Pharmashack.com, The Unrivalled [b][url=http://www.pharmashack.com]Online Chemist's workshop [/url][/b] To [url=http://www.pharmashack.com]Buy Viagra[/url] Online ! You Can also Realize The a- Deals When You [url=http://www.pharmashack.com/en/item/cialis.html]Buy Cialis[/url] and When You You [url=http://www.pharmashack.com/en/item/levitra.html]Buy Levitra[/url] Online. We Also Be subjected to a Mammoth Generic [url=http://www.pharmashack.com/en/item/phentermine.html]Phentermine[/url] On account of Your Victuals ! We Hawk M‚tier sign [url=http://www.pharmashack.com/en/item/viagra.html]Viagra[/url] and Also [url=http://www.pharmashack.com/en/item/generic_viagra.html]Generic Viagra[/url] !

Anónimo disse...

[url=http://www.realcazinoz.com]Online casinos[/url], also known as accepted casinos or Internet casinos, are online versions of commonplace ("chunk and mortar") casinos. Online casinos distribute gamblers to liking profit of and wager on casino games unreservedly the Internet.
Online casinos habitually appearance odds and payback percentages that are comparable to land-based casinos. Some online casinos tend to higher payback percentages in the servicing of depression automobile games, and some demand upon known payout concord audits on their websites. Assuming that the online casino is using an aptly programmed unspecific sum up generator, proffer games like blackjack coveted an established restrain edge. The payout scrap as a replacement on these games are established be means of the rules of the game.
Multitudinous online casinos attest to split or overcome their software from companies like Microgaming, Realtime Gaming, Playtech, Extensive Contrivance Technology and CryptoLogic Inc.

Plágio encapotado. Ler post de 10.Abril.2011.