terça-feira, julho 17, 2007

Dúvidas

Tenho uma dúvida...

Para não pagar o jantar o que funciona melhor?

1 – Mosca no prato;
2 – Um cabelo misturado com a comida;
3 – Pedir o livro de reclamações.

Se fosse mesmo preciso qual usariam?
Ok não é preciso ser preciso, para se divertirem, qual usariam?

39 comentários:

Topo de Gama disse...

Acho ke a do Pintelho no prato bate recordssssss!!!

ariba disse...

Também é sempre bom iniciar um pequeno incêndio na casa de banho...não?

Actriz Principal disse...

Eu insisto em colocar algu�m a desbundar um karaoke... cof cof...

Maria Cunha disse...

a mosca no prato é capaz de funcionar, mas não costumo andar com moscas no bolso... acho que o belo do cabelo parece a melhor solução... o livro de reclamações dá uma trabalheira enorme... e acaba por não resultar...

beijinho

Eskisito disse...

Cabelo...dá para passar na boa...mas, ir contra um empregado carregado de sopa costuma resultar...um grande escândalo, indignação pela roupa suja...e lá vem o gerente...

Marta disse...

Cabelo..é mais fácil arranjar um cabelo do que uma mosca morta!

ehhhh

Gemini disse...

Uma barata ou um rato morto, já agora...
Já viste o filme "Heartbreakers"? A personagem interpretada pela Sigourney Weaver usava vidro e fazia um escândalo!

Teresa disse...

Olha que esta última é de truz!

Até prova eu contrário, eu sou pelo livro de reclamções, mas dá demasiado trabalho, daí que o cabelo seja preferível. Mas esta do vidro fez-me vacilar.

As 4 Cangalheiras do Apocalipse terão e debater devidamente o assunto.

o_cao_que_morde disse...

Mistura as 3 que resulta de certeza

Neo disse...

Mosca!

Babe disse...

A mosca devia funcionar, mas se não oferecessem o jantar, nada como pedir o livro de reclamações. Num restaurante? Quase que se punham de joelhos!

Peste disse...

hum... axo q a mosca no prato...

no entanto... não pagava... nem comia :P

bjs*****************

Lívio disse...

O livro de reclamações, ameaçando com a ASAE, para não fazer escandalo!

Mulheka disse...

A não ser que andas com um mosca denteo de um frasquinho, essa seria uma bela pção. Mas como isso é mais dificil, acho que o cabelo resultaria na perfeição!

JooGoo disse...

O mais fácil é esperar que alguém puxe por um cigarro!

O mais provável é que o proprietário do estabelecimento não cumpra com todos os requisitos da nova legislação anti-tabaco…Aí, depois de armar um escândalo, chamamos a polícia e fugimos no meio da confusão!

PS: Esta estratégia não é, ainda, aplicável!

Maria Papoila disse...

Olha, por incrível que pareça, já me aconteceram a da mosca e a do cabelo e em restaurantes ditos bons... Imediatamente os empregados disfizeram-se em desculpas e disseram que trocavam o prato por outro à minha escolha.
A única vez que não paguei foi quando disse que já não tinha apetite e que não queria nada para substituir. Nos outros casos (sim já foram mais que dois), paguei aquilo que realmente comi sem brinde.
Já agora, deixa-me dizer que o pior foi ter encontrado uma traça à lá "Silêncio dos Inocentes" no meio da salada, no Shakesbeer, no Porto.
Por isso, comer sem surpresas, só em casa!

Para sempre, Maria disse...

O cabelo é o melhor, a par de uma interpretação notável!Resulta de certeza.
Agora, só te digo uma coisa, basta encontrar um cabelo nem que seja meu e fico logo pior que estragada. Passa-me logo o apetite...

beijo
(a tua mente é mesmo tortuosa, não é?)

White_Fox disse...

A da mosca! É maior, mete mais nojo, dá mais nas vistas...

VICIO disse...

se me convidares e pagares eu explico-te!

Melões Melodia disse...

Mas porque e que queres jantar de borla? Como dizem os meus amigos aqui do lado, estas-me a sair "una choriza"...
Eu iria por ter alguem a convidar-me para o jantar - simples, sem grandes historias...
Beijos

PEIXE disse...

nunca ninguém experimentou levantar se nas calmas e chegar á porta e começar a correr!

lolll

Rita disse...

Um cabelo...
Sempre é mais fácil arrancar um cabelo assim à socapa e misturá-lo na comida do que andar ali pelo restaurante aos saltos a tentar apanhar uma mosca (se bem que a uma colega uma vez saiu-lhe do prato uma mosca ainda a voar - blargh!).
Jokas

Van Dog disse...

Se alguém precisar de pêlos de cão avise!

Minerva McGonagall disse...

Ó Diabba, saíste-me cá uma caloteira!!!

marco disse...

levar um gajo!!! ja nao pagas!!! dahhhhhhhh~!!

Diabba disse...

PARA TODOS:

Que não passe por essas cabeças de vento que eu, ou alguém que eu conheça, tenta jantar sem pagar!!

Isto é um mero exercício de imaginação!! Dahhhh

Diabba disse...

Topo,
nos dias que correm isso pode não ser uma coisa fácil de arranjar...
Vou considerar que votaste cabelo, ok?

Ariba,
pequeno incêndio?? oba!! como é que eu não pensei nisso??
Piromano(a)!!!
Um voto no pequeno incêndio (que dp se pode transformar em tragédia)!

Actriz,
karaoke... só funciona com o que canta... e dp como é ficam os restantes kumbibas??
Um voto no karaoke!

Maria,
Cabelo? ok. Segundo voto para o cabelo!!
E tens razão, o livro dá uma trabalheira e dp há sp a acusação "ahhh e tal, não quer é pagar"!

Eskisito,
ir contra o empregado?? com sopa quente?? sujar a roupa e ainda um escaldão?? Obrigadinho, testa tu primeiro e dp conta-nos como correu!
Como tb consideraste o cabelo, vou contabilizar o vo.
Terceiro voto para o cabelo!

Marta,
o que não faltam por aí são moscas mortas!! hihihihihi
Quarto voto para o cabelo!

Gemini,
conheço o filme. Magnifica ideia!!
Um voto para o vidro no prato.

Teresa,
Livro de reclamações?? Eu tenho dúvidas, mas seja...
Um voto no livro de reclamações!

Cão,
Voto nos 3 em 1!

Neo,
Um voto na mosca! (estava a ver que a pobrezinha não tinha quem a defendesse)!

Babe,
Segundo voto na mosca!
(ultimo recurso, livrinho)

Peste,
a mosca está em alta! hihihihi
Mas essa de não pagar mas tb não comer... não estou a vêr onde está a vantagem...

Livio,
Segundo voto no livro! (com ameça dos homens maus) hihihihihi

Mulheka,
oki, já percebi que tu não andas munida de moscas, mas essa bela trunfa... hummm estou a vêr a utilidade...
Quinto voto no cabelo!

Joogoo,
Cigarro?? Achas que cola? e como tu mesmo dizes ainda não está em vigor!
Um voto nulo!

Papoila,
tu tens sorte... ui ui, jantar fora deve ser sp uma aventura!
Não votaste!
Um voto em branco!

Maria sempre,
nem que seja teu? tens nojo de ti?? hihihihihi
Sexto voto no cabelo!

White,
mosca grande? tipo varejeira?? hihihihi
Quarto voto na mosca!

Vício,
eu pagar?? aiiiiii... poffff (desmaio)
Não votaste.
Segundo voto em branco!

Melões,
dahhhh, ainda te como por seres trengo!!
Não votaste.
Terceiro voto em branco

Peixe,
sou uma diabba anafadinha, essa cmg não funcionava!
Um voto na saída em corrida desenfreada.

Rita,
uma mosca viva é bem. hihihihihi
Sétimo voto no cabelo.

Van Dog,
boa ideia, pêlo de cão, vou contabilizar cabelo.
Oitavo voto no cabelo!

Minerva,
dahhhh, achas??
Não votaste.
Quarto voto em branco.

Marco,
Gajo?? ahhh pois servem para pagar...
Não votaste.
Quinto voto em branco!

Depois publico a votação!
beijos gordos d'enxofre

Afgane disse...

Primeiro não levar casa nem mala ou apetrechos que tenhamos que carregar dando nas vistas na hora de sair o resto é fácil, comer e beber bem e basta esperar um distracção do empregado e sair tranquilamente fazendo de conta que chamamos alguém que está perto da porta ou que estamos a atender uma chamada mas ali dentro não há rede. Em Portugal eles vêm rápido atender mas levam séculos para trazer a conta.
A mosca, o cabelo tudo isso já é por demais conhecido.
Beijos

Alien David Sousa disse...

Querida venenosa, eu usaria a segunda: um cabelo misturado com a comida. É o que me dá mais jeito.

Aonde é que eu ia arranjar uma mosca?

Pedir o livro de reclamações alegando o quê? Que o empregado cheirava mal?

Assim sendo, o cabelo na comida é sempre a melhor solução porque ESTÁ ALI A PROVA!! E nós só temos de UPS arrancar um dos nossos e discretamente o colocar na comidinha!

Diz lá se não estou a raciocinar como tu, sua diabólica?!?!
Beijinhos

Belzebu disse...

Tsss,tsss!! Demasiado déjà vue! Isto já não vai lá com um cabelito, com um livro que ninguém lê, nem tão pouco com varejeiras!

Ou metes uma peruca na saladeira, ou ninguém te vai dar atenção! Hoje em dia temos que pensar em grande!

eheh!! Um abraço infernal!

Teresa disse...

Grande animação, sim senhora!

Como é que está a votação?

Dhyana disse...

Cabelo no prato deve funcionar.
Gostei da tua "casa".
abraço...

peace_love disse...

Mosca, sem dúvida!

Azul disse...

eu costumo satir de fininho....
sei que parece mal,mas dá cá uma pica!!!!!

bjufas!!!!!

Diabba disse...

Afgane,
a técnica então é fingir que falamos ao telefone e que não estamos com rede, por isso nos devemos afastar?? ok... resulta para um, mas e se for um grupo grande??
Segundo voto na fuga!

Extraterrestra,
hummmm, mas tu não és careca?? Votar em cabelo é estranhissimo! (vindo de ti claro) hihihihihi
Nono voto no cabelo!

Belz,
és tãooooooo exagerado!! E dizia-se o quê?? que o cozinheiro tinha deixado cair o capachinho na sopa?? (e o empregado, cego, não tinha reparado, ao trazê-la!)
Décimo voto no cabelo!

Teresa,
a votação está qse encerrada! hihihih nunca pensei que fizesse tto sucesso!

Dhyana,
gostaste? volta, se quiseres.
Décimo primeiro voto no cabelo!

Peace,
varejeira ou mosca comum?
Quinto voto na mosca!

Azul,
tu costumas o quê?? hihihihi deve ser cá uma adrenalina...
Terceiro voto na fuga.

Afgane disse...

Cara Diabba,
Se for um grupo grande o último que se deixar agarrar paga a conta he he he problema resolvido desde que sejamos o primeiro a fugir. O que está a dar é jantares em grupo, eu como e alguém paga hi hi hi
beijos

azul disse...

linda,
já o fiz várias vezes e é ó máximo!
experimenta,nem que seja só uma vez!
então se fôr num sítio dito chique....ah,é ver o sangue a bombar!!!
vale pelas gargalhadas que se geram a seguir!

é como te digo: tenho o meu lugar reservado nas tuas bandas!

bjufas

Rafeiro Perfumado disse...

Atão e pegar fogo ao restaurante, não é válido?

Crestfallen disse...

O livro de reclamações não funciona, por dois motivos:

1- Já não é obrigatório. Foi obrigatórios, deixou de ser, voltou a ser e deixou de ser novamente.

2- A lei portuguesa diz que para reclamar tem de se pagar.

A melhor maneira de não pagar é a técnica do casaco e do telemóvel. Antender o telemóvel, dizer que não se ouve nada e ir lá fora tentar apanhar rede. O casaco fica na cadeira, portanto os funiconários esperam que volte.

Plágio encapotado. Ler post de 10.Abril.2011.