sexta-feira, julho 27, 2007

Tortura = Prisão


Na Califórnia um jovem de 18 anos foi preso por torturar uma tartaruga, pertença de uma criança autista, com o único fim de ficar com a carapaça.

Não vale a pena dizer o resto da notícia, não tenho nenhuma predilecção por relatos de tortura sobre animais.

O certo é que, o parvo de 18 anos, está preso, (suponho que em prisão preventiva, por comparação ao Direito português) acusado de crueldade para com animais e furto.

Há paises onde a legislação evolui no sentido certo! Infelizmente Portugal não é um desses países, tenho esperança que um dia seja.

24 comentários:

o_cao_que_morde disse...

Em Portugal nada era feito
Á lutas entre animais e a polícia não quer ver
Á pessoas que não dão as condições mínimas as seus animais de estimação e miguem quer saber
Á donos de cães que por serem proprietários deles pensão que podem fazer o que querem porque o cão é deles
E muita mais coisa do mesmo tipo
E já mes esquecia das pessoas que abusam sexualmente de animais

Diabba disse...

Cão,
é verdade, neste país há muita coisa errada no que diz respeito ao respeito pelos animais.

beijo d'enxofre no focinho

ariba disse...

E pior, são aqueles que torturam os animais sob o pretexto de que é "para nossa segurança"! Ontem andei a pesquisar umas coisas sobre o assunto e fiquei revoltada! Que direito temos nós de fazer dos animais o que nos apetece??

Peste disse...

Achjo muitissimo bem que se lute contra este tipo de coisas afincadamente...

se nós humanos não sabemos ser amantes e proteger os ditos animais, como podemos nós viver em harmonia entre iguais??

Não m entra estas coisas...

beijos

VICIO disse...

e há indicios de violação?

Diabba disse...

Ariba,
para nossa segurança? Segurem mas é os donos! Os animais são aquilos que os donos quiserem que eles sejam!

Peste,
os humanos são uma espécie estranha, tira prazer do sofrimento alheio!

Vício,
apesar de o fim ser o tirar-lhe a roupa (carapaça), ficou-se "só" pelo uso de uma faca. grrrrr parece-me que a maldição "cruciatus" do Harry Potter, era pouco para este acéfalo!

Melões Melodia disse...

E qual foi a pena mais severa? a da tortura da tartaruga ou a do roubo de um animal de estimacao de uma crianca autista? Nao sei qual dos dois me parece pior...

Beijos

PS - Ja pensaste por um corrector ortografico nos comentarios? assim eu passava a escrever com acentos e os outros com "h"

mãe de dois disse...

Achei piada à critica dirigida à justiça portuguesa comparando-a com a da Califórnia. Aí está um sitema modelo! A Califórnia é um mimo no que diz respeito a justiça. Acho que mal por mal ainda prefiro a nossa.

Diabba disse...

Melões,
não sei, pelo que percebi da noticia, está detido, não condenado.
E... há pessoas que não têm culpa do português que têm, têm o que puderam ter. (acho eu)

Mãe de 2,
não comparei nada e, se comparação há, é só no que diz respeito à legislação sobre a protecção dos animais. Até acho o Direito português bastante equilibrado.

mãe de dois disse...

Peço desculpa pelo entendimento errado. Vim aqui parar já não me lembro através de que blog. Li uns tantos posts e gostei muito. Não é que isso seja importante, o blog é de cada um e cada um escreve o que quiser, mas aqui fica o meu agrado.

Marta disse...

Também tenho essa esperança! Passo-me com maldades aos animais!

Teresa disse...

E penas severas para eles! A crueldade para com os animais é intolerável. Aliás, sabe-se hoje que esse é um traço comum que todos os serial killers tiveram na infância.

Sobre a observação do Melões acerca do corrector ortográfico, eu apontaria também uma certa forma do verbo pensar, que no tal comentário é... um estabelecimento hoteleiro, valha-me DEus!!!

Beijos grandes.

AEnima disse...

Gosto muito das leis que têm de protecção aos animais. Mesmo assim, não acho os Estados Unidos um exemplo a seguir. As leis são tão pesadas para crimes pequenos que levam os criminosos a matar mais frequentemente só para não deixarem testemunhas. As leis do "direito às armas" nunca mais são revistas. As pessoas levam a arma no carro, na carteira, no escritório, em todo o lado, como medida de precaução. Entro em alguns escritórios de professores e tem um revolver ao lado do apagador no quadro pendurado na parede... é um horror. Tem ainda uma série de leis perfeitamente estúpidas. Por exemplo, na Carolina do Sul, finalmente revogaram a lei que proibia casamentos entre raças diferentes em 2000. Isto para em 2002 passarem uma lei em que o professor vai preso se o aluno usar palavrões. A culpa não é dos pais... esses coitadinhos que têm que aturar o pirralho se vem mal-humorado da escola. Nos debates quando se falam sobre medidas de prevenção à droga e à prostituição, lá advogam mais uma vez o aumento das penas para drogados e prostitutas.

Enfim... são tantas as palermices nesse direito que ainda bem que Portugal não está a evoluir como eles.

Azul disse...

Voltaste!!!
QUE BOM!!!!

Azul disse...

Bom, a lei aplicou-se e está correctíssima.Pena é que,se for como cá,em menos de nada está cá fora,a fazer pior...
Queiram os santinhos que,depois dos animais,não passe a maltratar as crianças....

maria cunha disse...

parece que em portugal só se imita o que há de mau nos outros países...

este seria um bom exemplo a seguir... mas por aqui arranjariam logo uma justificação ridícula, do tipo... ah! coitadinho, o rapaz estava com problemas na escola...

se estava com problemas tinha ido ao psiquiatra... não se vingava no pobre do animal...

raio de país!

beijinho

Diabba disse...

Mãe de 2,
há boas e más leis em todo o lado, mas no que diz respeito à protecção dos animais, estamos um bocadito atrasados.
No entanto há outras em que estamos na frente do pelotão!

Marta,
eu nem gosto de ouvir, quando me querem contar eu tapo os ouvidos e canto (tão mal, mas tão mal que se calam logo) hehehehehe
Por isso sou uma torcedora convicta do touro, odeio touradas e não tenho pena nenhuma quando o touro dá umas chifradas em quem apanha pela frente!

Teresa,
o pior é que essas pessoas estão à nossa volta e, a maioria tem "ar" de boa pessoa! :-(
Quanto ao corrector ortográfico... infelizmente nem sempre é culpa de quem escreve, eu, por exemplo, dou imensos erros...

Aenima,
desculpa, o aluno diz palavrões e o prof. é punido?? mas então o prof. pode ser punido todos os dias, não tem lógica.
No Direito português, pelo menos em 99% das leis, a lógica impera!
Devíamos copiar o que há de melhor nos diversos países...

Azul,
voltei voltei, voltei de lá, ainda agora estava ali e agora já estou cá... (gargalhadas)
Por cá, no que diz respeito a animais, há pouca coisa e o que há... não se cumpre.

MariaMú, (hihihihihi)
a pena deveria ser pesada, não só para quem maltrata, mas tb para qm abandona, o Verão é trágico para muitos animais.
No Natal é vê-los lindos, fofinhos e pequeninos, depois crescem, deixam o ar "fofinho" e ainda por cima estorvam na hora de ir de férias...
Esta gente não tem um amigo que lhes cuide dos animais?

Gemini disse...

Eu não te percebo! evias estar radiante: o rapazito de 18anos é garantidamente teu futuro escravo!

Beijinho angelical

Diabba disse...

Gemini,
nada disso, a tartaruga é que estava destinada ao Inferno, estragou-me o animal... aquele animal!!

grunffff

Alien David Sousa disse...

Querida Venenosa quando será que o "UM DIA" chega a Portugal?

Beijinhos

Para sempre, Maria disse...

Enfiava-lhe a carapaça num sítio que eu cá sei!

beijo

Eskisito disse...

Neste país até se aplaudia uma atitude destas...m**** de gente.
Beijos

Rita disse...

Pois é, infelizmente em Portugal o caso provavelmente nem seria digno de uma noticiazeca do Destake...
Mas assim mesmo é que é se com 18 anos a grande besta faz coisas assim, com 30 é capaz de fazer o mesmo a uma criança quem sabe...mais vale cortar o mal pela raiz.
jokas

Afgane disse...

É verdade que no nosso país ainda temos um longo caminho a percorrer em matéria de legislação sobre animais. TOdos sabemos que são os votos, o dinheiro ou o poder que orientam a forma e a necessidade de se fazerem leis. Todos nós, os que amamos e preocupamos com os animais significamos votos por isso, se juntarmos as nossas vozes e gritarmo bem alto, quem sabe não contribuímos para que as coisas neste país melhorem para o nossos queridos bichos.
Beijos

Plágio encapotado. Ler post de 10.Abril.2011.